O Ministério das Cidades promoveu nesta terça-feira, 6, em Belo Horizonte, uma solenidade para formalizar a adesão de 120 municípios mineiros ao programa Minha Casa, Minha Vida 2, do governo federal. O evento aconteceu na Cidade Administrativa, do governo estadual, e contou com a presença do governador Antonio Anastasia e do ministro das Cidades, Mário Negromonte.

A assinatura se refere à modalidade do Programa Minha Casa, Minha Vida realizada por meio do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR). Para essas operações, serão destinadas 860 mil unidades habitacionais até 2014, em todo o país.

As famílias beneficiadas por este recurso devem estar enquadradas na faixa de renda mensal de até R$ 1.600. Entre as modalidades destinadas para este público, além das operações feitas por meio do FAR, o programa conta com 220 mil unidades para oferta pública, destinadas a municípios com menos de 50 mil habitantes, 60 mil para a área rural (sendo R$ 15 mil a renda anual do beneficiário final), e 60 mil moradias para entidades.

Na segunda etapa do programa, as operações do FAR trouxeram uma novidade. Agora os municípios com população acima de 50 mil habitantes, como é o caso de Varginha, são responsáveis pela execução do trabalho social realizado. Segundo dados do Ministério das Cidades, o Minha Casa, Minha Vida 1 superou a marca de 1 milhão de moradias.

A Prefeitura de Varginha já havia assinado o termo de adesão à segunda etapa do programa no dia 21 de setembro, em evento promovido pela Caixa Econômica Federal. O orçamento inicial é de R$ 646 mil, para ações que visam melhorias nos sistemas de abastecimento de água e esgotamento sanitário, e para urbanização e infraestrutura habitacional no município. Estão sendo construídas 467 unidades habitacionais na cidade, que se somarão a outras 431 casas já concluídas e que serão entregues em março de 2012.

“Aderimos ao programa na primeira hora e tivemos agilidade na execução dos projetos, o que dará à população mais carente de Varginha as condições de ter sua casa a partir do ano que vem”, afirmou o prefeito Eduardo Carvalho Corujinha.

Ele destaca que as casas da primeira etapa, localizadas no bairro dos Carvalhos, têm aquecimento solar, uma das principais inovações do Minha Casa, Minha Vida. “Dessa forma, o programa contribui para reduzir o aquecimento global, ao adotar uma fonte limpa de energia, e as famílias economizarão na conta de luz”, completa.

Corujinha visita veículos de imprensa
Em sua passagem por Belo Horizonte, o prefeito Eduardo Carvalho Corujinha foi recebido pelas direções do jornal Hoje em Dia e do Grupo Bandeirantes. O Hoje em Dia é o único jornal de Minas Gerais a manter correspondente no Sul de Minas, com sucursal em Varginha. O diretor presidente do grupo, Sidney Costa, e o editor executivo, Hélcio Zolini, apresentaram os planos de expansão do jornal no Sul de Minas, além de abordar a linha editorial do veículo.

Na Band, Corujinha foi recebido pelo diretor geral José Saad Duailibi, pelo diretor de Jornalismo, Teodomiro Braga, e pelo diretor comercial, Eduardo Mineiro. Saad, que assumiu a direção em Minas há cerca de seis meses, disse que o sinal da Band chega a todos os 853 municípios mineiros e que o grupo pretende crescer ainda mais. Teodomiro Braga apresentou as mudanças no setor de jornalismo, que incluem a cobertura local das eleições de 2012 e a ampliação dos programas esportivos e das transmissões ao vivo dos jogos de futebol das Séries A e B, que incluem os jogos do Boa Esporte.
Corujinha participou do programa “Brasil Urgente”, apresentado pelo comunicador Marcos Maracanã. Indagado sobre o sucesso do Boa Esporte, o prefeito esclareceu que o município apenas criou as condições para a transferência do clube, além de mobilizar o empresariado para apoiar os atletas. Segundo o prefeito, a chegada do clube pode ser comparada com a presença de uma grande empresa na cidade, pois estimula o investimento e oferece uma opção de lazer para a população.
Fonte: Prefeitura de Varginha